Domingo, 16 de Dezembro de 2012

Imbecilidade pública

São muitos os negócios que vivem à custa da imbecilidade de uma parte
importante do que se costuma chamar opinião pública. Explorando em seu
proveito essa imbecilidade, dois humoristas australianos telefonaram para o
hospital onde estava a princesa grávida internada, imitando a voz da
rainha. Uma enfermeira caiu na esparrela e deu informações banais sobre a
situação clínica da princesa. O hospital declara que não foi dada nenhuma
informação confidencial. Uns tempos depois, aparece morta a enfermeira
Jacintha Saldanha, ao que parece por suicídio. As reacções contra os
humoristas não se fizeram esperar, colocando em risco o seu trabalho. Ora,
estes só fizeram o que deve fazer um criador de humor, ir buscar um facto
tão risível quanto possível. Os casos da família real inglesa são do que há
melhor para isso. Faz-me pena, vê-los a considerar o seu sketch como causa
do suicídio da enfermeira. Creio que a causa primeira da morte da
enfermeira está nela própria e na administração do hospital pois não
sabemos o que terá sido dito à enfermeira no inquérito que se anunciou. A
causa remota é o próprio ridículo da família real que lamentavelmente
persiste nas acções da maior parte dos seus membros.
publicado por Redes às 22:16
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Lúcio a 16 de Dezembro de 2012 às 23:30
Sim, os humoristas são os mais inocentes neste triste desfecho (admitindo que e o suicídio da senhora tenha tido algo a ver com a brincadeira); estariamos mal se a sátira se tivesse de conter para evitar a tragédia - maior seria a mesma. Quanto ao mais, não atribua à Família Real Britânica responsabilidades que ela não tem: de resto, sem a mesma, a imbecilidade/"bovinice" universal seria bem maior...


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Avaliação da Homeopatia

. Deve o exame condicionar ...

. Bloomberg desvaloriza efe...

. Tratados ortográficos int...

. Acordo Ortográfico: Decla...

. Aniversário da Revolução ...

. Encontro sobre o Acordo O...

. O Acordo Ortográfico entr...

. O reino de Walter Hugo Mã...

. Defesa da escola pública ...

.Blogs das minhas desoras

.Extreme Tracking

eXTReMe Tracker

.Wikipédia

Support Wikipedia

.arquivos

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Janeiro 2015

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Outubro 2007

. Junho 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

blogs SAPO